Critica por favor o meu elevado ego

24/08/2021

um coração

poesia — João Oliveira @ 23:59

quem vive com o coração
morre pelo coração
e eu já nem sei

se
ainda
pode
chamar-se
a
isto

coração

quebraste-me
e deixaste-me aqui
partido
derrotado
sem propósito ou vontade
de continuar

aniquilei a alma
que coração já não é
a noite regressa
para tomar conta da minha mente
e engolir o pouco que resta

fico apenas

abandonado

segurando entre os dedos
os pedaços
do
que
outrora
foi

um coração

::  trinta de agosto de dois mil e vinte

deixar um comentário